Criatividade é algo que não é ensinado, mas sim estimulado dentro de cada um de diferentes maneiras.

Desde pequena sempre me senti desprovida de talentos, me negando, muitas vezes, a desenvolver algumas atividades por me julgar incapaz de criar! Com a chegada da minha primeira filha, assim como acontece com várias mulheres, explodiu dentro de mim uma necessidade de criar, fazer, imaginar! Eu precisava usar a 

mente, as mãos em algo que me proporcionasse o prazer de fazer algo para a criança que estava ali ao meu redor!

Foi ali que percebi o quanto a criança é aberta, o quanto ela nos convida a imaginar! Não existe um julgamento, somente a satisfação de ver algo sendo criado para elas e, muitas vezes, com elas! Todo brinquedo que a criança tem disponível deveria ser fabricado pelos pais, tendo a criança, a oportunidade de ver algo sendo construído, terminado e, por fim, entregue ao seu destino final: a criança! Mas nem sempre isso é possível!

Sabendo disto, comecei a fabricar brinquedos para os meus filhos e, com isso, surgiu a vontade de expandir esta idéia, levando para outras crianças, cujos pais nem sempre tem tempo disponível, brinquedos simples mas calorosos, que transmitam afeto, alegria! Assim surgiu a Lobo de Ceroulas, de uma vontade de manter viva a infância, cuja expressão máxima é o brincar!

Durante os primeiros anos da infância, a criança vive em um mundo de fantasias e sonhos, de intensa criatividade e imitação, como se fizesse parte do mundo que ela mesma cria, onde tudo é descoberta! Nesta fase é de extrema importância que os brinquedos deixem espaço para o imaginário infantil e que permitam o brincar livre, onde a criança possa usar todo seu corpo, descobrindo a si mesma e o mundo ao seu redor, aflorando seus sentidos!

O Lobo de Ceroulas conduz, delicadamente, a criança a este mundo de experimentação, investigação, imaginação! Explorando seus sentimentos através do brincar, ela se equilibra! E é assim que o Lobo de Ceroulas fica guardadinho na memória de cada criança!